Últimos Anúncios

Confira os anúncios mais recentes

Ver mais anúncios

Mercado Imobiliário

Leia nossos artigos mais recentes

FipeZap: imóveis registram em junho maior alta de preço desde 2014

PUBLICADO EM: 6.7.21 | 8H21

O balanço parcial do primeiro semestre de 2021 aponta alta nominal de 2,17%. Em12 meses, o avanço nominal foi de 4,76%.A pesquisa é realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas com base nos anúncios de imóveis em 50 cidades

O mês de junho teve a maior alta no preço médio nas vendas de imóveis residenciais desde de agosto de 2014, de 0,57%, quando o crescimento médio mensal ficou em 0,68%. Nos meses anteriores, conforme o Índice FipeZap, o porcentual ficou em 0,48%, em maio, e 0,30%, em abril. A pesquisa é realizada pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe) com base nos anúncios de imóveis em 50 cidades.

É hora de mudar de casa? Alugar ou comprar, e como? A EXAME Academy ajuda você

O índice mostrou que Manaus teve a maior elevação (2,14%) no preço médio do último mês, seguido de Vitória (1,60%), Brasília (1,49%), Curitiba (1,47%), Goiânia (1,40%), Flori…

Saiba mais about FipeZap: imóveis registram em junho maior alta de preço desde 2014
  • 0

Mercado imobiliário do Rio salta 55% e volta a atrair gringos endinheirados

Por Bloomberg07/06/2021 - 14:59

Para investidores com moeda forte, a queda de 21% do real em relação ao dólar desde o início de 2020 incentivou a busca por pechinchas no mercado imobiliário (Imagem: Unsplash/ Agustin Diaz Gargiulo)

Enquanto a Covid-19 esvaziava as praias do Rio de Janeiro e sobrecarregava hospitais, o corretor de imóveis de luxo Frederic Cockenpot recebia uma enxurrada de consultas. Empresas foram fechadas e a economia estava abalada, mas clientes estrangeiros faziam de tudo para fechar negócios.

“Eles diziam: ‘Fred, encontre alguma coisa agora, preciso enviar dinheiro agora’”, disse Cockenpot, que comanda a WhereInRio, uma corretora que atende clientes internacionais.

Para investidores com moeda forte, a queda de 21% do real em relação ao dólar desde o início de 2020 incentivou a busca por pechinchas no mercado imobiliário. Aproveitaram as oscilações da taxa de câmbio comprando imóveis para as féria…

Saiba mais about Mercado imobiliário do Rio salta 55% e volta a atrair gringos endinheirados
  • 0

Imóveis usados crescem 106,65% no Rio no primeiro trimestre ante 2020

Já preço do aluguel na cidade apresenta tendência de estabilização; em SP, valor dos contratos registra queda de 6,97% no acumulado de 12 meses.

Dados compilados pelo Painel do Mercado Imobiliário (PMI) produzido pelo Kenlo revelam que o mercado de imóveis usados registrou crescimento de 105,65% no Rio de Janeiro no primeiro trimestre de 2021 em relação a igual período do ano passado, saltando de 584 negócios para 1.201.

No fechamento dos dados anuais de 2020, de acordo com o PMI, o Estado já havia apresentado crescimento no movimento do mercado secundário de imóveis (usados), da ordem de 42,38% em relação ao ano anterior.

O interesse dos compradores e locatários também pode ser medido pelo aumento no número de visitas a imóveis disponíveis. No período houve crescimento de 63,72%, chegando a 14.689 visitas, ante 8.972 realizadas no primeiro trimestre de 2020.

Já o Índice QuintoAndar de Aluguel, que acompanha dados efetiv…

Saiba mais about Imóveis usados crescem 106,65% no Rio no primeiro trimestre ante 2020
  • 0